LAR DE JOVENS D. MARIA PIA | S. JOSÉ

 

“O acolhimento institucional, em Lar de Infância e Juventude, como o Lar de Jovens D. Maria Pia/ S. José, constitui uma das medidas de promoção e proteção contemplada na Lei de Proteção de Crianças e Jovens em Perigo (Lei 147/99, de 1 de Setembro). Procura desenvolver uma intervenção conjunta com o jovem acolhido e a sua família, com vista à reunificação familiar em condições que permitam um desenvolvimento mais adequado dos seus elementos.

A maioria destes jovens traz consigo percursos de vida marcados pelo sofrimento e por relações afetivas pouco ou nada gratificantes.

De acordo com a Lei de Proteção de Crianças e Jovens, uma criança está em perigo quando se encontra numa das seguintes situações:

  • Está abandonada ou vive entregue a si própria;
  • Sofre maus tratos físicos ou psíquicos ou é ví­tima de abusos sexuais;
  • Não recebe os cuidados ou a afeição adequados à sua idade e situação pessoal;
  • É obrigada a atividades ou trabalhos excessivos ou inadequados à sua idade, dignidade e situação pessoal ou prejudiciais à sua formação ou desenvolvimento;
  • Está sujeita, de forma direta ou indireta, a comportamentos que afetam gravemente a sua segurança ou o seu equilíbrio emocional;
  • Assume comportamentos ou se entrega a atividades ou consumos que afetam gravemente a sua saúde, segurança, formação, educação ou desenvolvimento sem que os pais, o representante legal ou quem tenha a guarda de facto se lhes oponham de modo adequado para remover essa situação.

É nossa intenção que, durante o período em que decorrer o acolhimento no Lar, se defina um projeto de vida viável e que, no mais curto espaço de tempo possível, o jovem possa voltar a viver no contexto de uma família.

É nossa convicção que tudo o que fazemos é para criar as condições que permitam a vivência de relações securizantes, reparadoras da autoestima e da confiança dos jovens.

É nossa missão ajudar os jovens a (voltar a) sorrir e acreditar que a felicidade é uma meta que está ao seu alcance.” (Boletim Informativo n.º 28)

Lar Maria Pia LJ_01 LJ_02 LJ_03 LJ_04 LJ_05 LJ_06 LJ_07

CONTACTOS

  • Largo Dr. António de Magalhães, nº 19
  • 4990-150 Ponte de Lima
  • TEL.: 258753331

A resposta social, atualmente designada Lar de Jovens D. Maria Pia/São José, é parte integrante da Santa Casa da Misericórdia de Ponte de Lima desde o dia 2 de Março de 1978. Até ao dia 31 de outubro de 2012, prestou serviço de apoio à infância e juventude, através do acolhimento de crianças e jovens do sexo feminino, com a designação de “Lar D. Maria Pia”. A partir do dia 1 de novembro de 2012, este equipamento social passou, então, a designar-se “Lar de Jovens D. Maria Pia/São José” e continuou a prestar apoio à infância e juventude, através do acolhimento de crianças e jovens do sexo masculino, integrando todas as crianças e jovens que, até àquela data, residiam no “Lar São José”, desta Instituição.

A resposta social Lar de Jovens D. Maria Pia/São José destina-se a acolher, em regime de internato, crianças e jovens do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 6 e os 18 anos, que se encontrem numa situação de perigo/risco,cuja medida de promoção e proteção assim o determine.

Capacidade da Resposta Social -  40 Crianças e Jovens

Acordo de Cooperação com a Segurança Social - 40 Crianças e Jovens

Diretora Técnica - Marjorie da Glória Peixoto Dias

Horário de Funcionamento - Funcionamento ininterrupto, 24 horas por dia.

Serviços Prestados e Atividades

  • Satisfação das necessidades básicas: alimentação, saúde, repouso, higiene pessoal e tratamento de roupas;
  • Área Educativa e Formativa: acompanhamento escolar, orientação vocacional e profissional e formação moral;
  • Área de Animação e Lazer: visitas, passeios, atividades lúdicas e pedagógicas, comemoração de datas festivas e atividades desportivas;
  • Área Social: acompanhamento de famílias e/ou suportes afetivos, articulação com diversas entidades e comunidade envolvente, despiste, orientação e encaminhamento para famílias amigas;
  • Área Psicológica: avaliação psicológica, acompanhamento psicopedagógico e psicoterapêutico, acompanhamento de famílias e/ou suportes afetivos, encaminhamento para acompanhamento pedopsiquiátrico e restruturação de competências sociais.

download

Regulamento Interno

HASTA PÚBLICA - ANÚNCIOPlano de Atividades 2017 

Plano de Atividades Mensal – Novembro/2017

ementas

 

 
 

Ementa

Ementa (11-12-17 a 17-12-17) LIJ

 

 

 

 

 

DESTAQUES

01 Cinema em casa 02 Cinema em casa 03 Cinema em casa 04 Dia da Crianca 05 Dia da Crianca 06 Dia da Crianca 07 Dia da Crianca 08 Dia da Crianca 09 Dinamicas de Grupo 10 II Encontro 11 II Encontro 12 II Encontro 13 II Encontro 14 II Encontro 15 II Encontro 16 II Encontro 17 II Encontro 18 II Encontro 19 II Encontro 20 II Encontro 21 II Encontro 22 Sessao Saude 23 Sessao Saude 24 Sra Lapa 25 Sra Lapa 26 Sra Lapa 27 Voleibol 28 Voleibol 29 Voleibol

 

O ano letivo terminou!!! Durante o último trimestre, foram inúmeras as atividades em que os nossos jovens se envolveram…tudo com objetivo de crescerem o mais felizes possível.